quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Prove que você está vivo


Se você está lendo este aviso, então isto é para você.

Cada palavra lida deste texto inútil é um segundo perdido de sua vida.
Você não tem nada mais para fazer?
Sua vida é tão vazia que você honestamente não consegue pensar em uma forma melhor de usar estes momentos? Ou você fica tão impressionado com autoridade que respeita tudo que a exerce? Você lê tudo que supostamente deveria ler? Pensa o que é suposto a pensar? Compra o que dizem que deveria querer? Saia de seu apartamento. Encontre-se com alguém especial, se não quiser, ligue para alguém. Pare com o consumo excessivo e a masturbação. Demita-se. Comece uma briga.
Prove que você está vivo!
Se você não reclamar sua humanidade, você se tornará apenas parte da estatística.

Você não é seu orkut! .
.. Você não é o número do seus scraps, comentários, fãs e 'amigos' que você tem, você não é suas comunidades, você não é o o número de perguntas do seu formspring, você não é seu twitter, nem seu número de seguidores!



Você é a merda ambulante que faz de tudo pra chamar atenção.


_

Meu amiguinho Dexter na fotinho de hoje, porque ele se encaixa na ideia do post de hoje...

estes dois textos NÃO são de minha autoria, mas gostaria que fossem, eu achei na net, e achei de suma importância postar aqui, como forma de sacudir essas pessoas alienadas, que não vivem, e pensam que o melhor delas está contido em sites de relacionamento: Que tal viver? Espero que as pessoas não se ofendam em massa, e entendam que ambos textos não se encaixam para todos, mas para algumas pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário